Japão, Nafta e China puxam demanda por pneus de passeio

Se pelo lado da demanda por pneus de carga apenas o Japão e os países do Nafta apresentam números positivos neste ano, pelo lado dos pneus de veículos de passeio a coisa anda um pouco melhor.

Se pelo lado da demanda por pneus de carga apenas o Japão e os países do Nafta apresentam números positivos neste ano, pelo lado dos pneus de veículos de passeio a coisa anda um pouco melhor. 

Japão (+48), Nafta (+22%) e China (+8%), são os grandes mercados para pneus originais neste ano, aponta o Tire Market Watch distribuído pela Pirelli italiana para analistas de mercado. 

O desempenho da indústria automotiva do Japão está por trás desse bom desempenho de vendas da indústria de pneus. 

Dados da Jama (Japan Automobile Manufacturers Association), a Anfavea japonesa, apontam que de janeiro a agosto deste ano o Japão produziu 42,04% mais veículos de passeio que no mesmo período do ano passado. Foram 5.964.342 unidades, comparativamente as 4.198.835 de unidades nos primeiros oito meses de 2011.

A China idem: saíram das linhas de produção chinesas 8.785.600 unidades entre janeiro a julho de 2012, alta de 8,52% ante o ano anterior. 

O Mercosul também exibe números positivos, de 1% em agosto deste ano, mas para o segmento de reposição. No segmento de pneus originais a demanda está 6% abaixo da apurada em agosto do ano passado. 

Europa 

Na Europa, os dados apontam para baixa de 7% em agosto ante agosto de 2011, na demanda por pneus originais e baixa mais acentuada, de 12% para equipamentos de reposição – na mesma base de comparação.

Destaques

%d blogueiros gostam disto: