Viver Minas Mineração investe R$ 64,2 milhões em MG

A empresa anunciou investimentos de R$ 64,2 milhões no projeto que terá uma capacidade instalada para 35 mil toneladas mensais de brita, gerando 370 novos empregos, dos quais 70 diretos e 300 indiretos.

A Viver Minas Mineração (Vibrita) assinou nesta semana um protocolo de intenções com o governo mineiro para a implantação de uma fábrica destinada à extração e comercialização de cal virgem em Campo Belo, no Centro-Oeste do estado mineiro.

A empresa anunciou investimentos de R$ 64,2 milhões no projeto que terá uma capacidade instalada para 35 mil toneladas mensais de brita, gerando 370 novos empregos, dos quais 70 diretos e 300 indiretos.

Há dois anos, a empresa trabalha no projeto de implantação da fábrica. “Estamos finalizando as exigências ambientais e a aquisição dos equipamentos para a fábrica. A nossa projeção é de que até o final de outubro, a partir da obtenção da licença de instalação, sejam iniciadas as obras”, disse em nota à Agência Minas de notícias o conselheiro da Viver Minas Mineração, Nino Reppucci.

“A nossa expectativa é que, quando terminarmos as obras, a nossa capacidade de extração e beneficiamento atinja 109 mil toneladas de cal por ano e, para 2016, essa capacidade aumente ainda mais, chegando em 204 mil toneladas por ano.”

A conclusão das obras está prevista para março de 2014 e segundo a Viver Minas Mineração a mina de Campo Bela conta com 100 milhões de toneladas em reservas.

Destaques

%d blogueiros gostam disto: