Mercedes-Benz anuncia nova fábrica no Brasil

O projeto terá investimentos de R$ 500 milhões para consolidar o primeiro estágio de produção, com os primeiros veículos saindo da linha de produção em 2016.

Brasília - DF, 01/10/2013. Presidenta Dilma Rousseff recebe Andreas Renschler, CEO da Mercedes-Benz Cars & Vans e Membro do Board da Daimler AG. Foto: Roberto Stuckert Filho/PR.O Grupo Daimler anunciou nesta terça-feira, 01, a implantação de uma nova fábrica de veículos no Brasil. Será uma unidade de produção de veículos Classe C e Classe G a serem produzidos em Iracemápolis, interior do Estado de São Paulo.

O projeto terá investimentos de R$ 500 milhões para consolidar o primeiro estágio de produção, com os primeiros veículos saindo da linha de produção em 2016.

Andreas Renschler, membro do Board responsável por Produção e Compras da Mercedes-Benz Automóveis e Mercedes-Benz Vans, e Philipp Schiemer, presidente da Mercedes-Benz do Brasil e CEO da Daimler para América Latina fizeram o anúncio durante cerimônia oficial que contou com a presença da presidente da República, Dilma Rousseff, e do governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin.

Em nota, a Mercedes-Benz do Brasil destaca que a produção prevista para a nova fábrica chegará a 20 mil veículos por ano. Cerca de 1.000 novos empregos serão criados, além de outros 3.000 junto à rede de fornecedores.

A rede de produção global da Mercedes-Benz Automóveis inclui as fábricas alemãs de Sindelfingen, Bremen e Rastatt, a fábrica húngara de Kecskemét, a planta de Tuscaloosa (Alabama), a planta sul-africana de East London e a unidade de produção BBAC (Beijing Benz Automotive Corporation, uma joint venture entre a Daimler e a BAIC) de Pequim (China), como principais instalações de produção de veículos.

Há também montadoras no Egito, Índia, Indonésia, Malásia, Tailândia e Vietnam. Em todos os locais a alta qualidade de cada veículo é garantida pelos padrões globais do sistema de produção Mercedes-Benz (Mercedes-Benz Production System – MPS).

Além disso, há os locais de produção de trens de força, que incluem a planta da Mercedes-Benz de Untertürkheim (em Stuttgart) bem como as fábricas de Berlim e Hamburgo, e a subsidiária MDC Power de Kölleda.

As operações fora da Alemanha incluem a subsidiária romena Star Transmission, e a partir deste ano, uma nova fábrica de motores com a joint-venture BBAC em Pequim.

 A partir de 2014, a Daimler e a Nissan darão início à produção conjunta de motores de quatro cilindros a gasolina com base em um modelo Mercedes-Benz na fábrica da Nissan de Decherd, Tennessee.

 

Destaques
error: Conteúdo protegido.
%d blogueiros gostam disto: