Renault prevê alta de 5% do mercado automotivo global

A decisão de aumento da produção de motores e inauguração da nova unidade de estamparia feita pela empresa nesta quinta-feira, 02, ocorreu apenas alguns dias após a empresa francesa ter comunicado seus resultados de desempenho no primeiro semestre.

 A decisão de aumento da produção de motores e inauguração da nova unidade de estamparia feita pela empresa nesta quinta-feira, 02, ocorreu apenas alguns dias após a empresa francesa ter comunicado seus resultados de desempenho no primeiro semestre.

No Brasil, a empresa fechou o período com a comercialização de 110.536 veículos, com crescimento de 37,3% comparativamente ao mesmo período do ano passado. Em termos globais, o Brasil só perde para a França em termos de comercialização.

Nos mercados de atuação da empresa ao redor do mundo, a Renault vendeu 1,33 milhão de veículos com queda de 3,3% em relação ao primeiro semestre do ano passado. A empresa faturou 20,9 bilhões de euros, 0,8% menos que no primeiro semestre do ano passado.

O lucro operacional foi de 519 milhões de euros no primeiro semestre de 2012 contra 772 milhões de euros no primeiro semestre de 2011. Já o resultado líquido foi de 786 milhões de euros, contra 1,2 bilhão de euros na mesma base de comparação.

Perspectiva para o ano

A Renault projeta um crescimento de 5% para o mercado automobilístico mundial neste ano. Apesar dessa previsão o mercado europeu deve cair 3,0 pontos percentuais ficando entre recuo de 6% a 7%, incluindo baixas de 10% a 11% na França.

Destaques

%d blogueiros gostam disto: