Transportepress.com
Portal de notícias sobre transporte.

Goodyear: Nafta teve peso de 46% nas vendas

Das vendas totais de US$ 5,264 bilhões apuradas pela empresa no terceiro trimestre fiscal, 45,7% vieram das operações na América do Norte, mercado que gerou receitas totais de US$ 2,404 bilhões ou 5,98% menos que no 3T2011.

Das vendas totais de US$ 5,264 bilhões apuradas pela empresa no terceiro trimestre fiscal, 45,7% vieram das operações na América do Norte, mercado que gerou receitas totais de US$ 2,404 bilhões ou 5,98% menos que no 3T2011. 

Segundo o informe de resultados da empresa divulgado nesta sexta-feira, 26, as vendas para o segmento de reposição de pneus naquele mercado apresentou baixa na demanda de 10% no trimestre. 

 

América Latina

Terceiro trimestre

No ano

 

2012

2011

2012

2011

Pneus (em milhões)

4,7

5,1

13,3

15,0

Vendas (US$ bi)

520

651

1,544

1,876

Resultado operacional (US$ mi)

49

62

162

183

Margem operacional

9,40%

9,50%

10,50%

9,80%

 

O grande destaque foi para o resultado operacional, que cresceu 66,7%, saltando de US$ 67 milhões para US$ 130 milhões. A Goodyear destaca que tal desempenho se deveu a um mix de produtos e serviços mais vantajoso e a economia gerada pelo encerramento das atividades de um fábrica no Tennessee. 

Os mercados da Europa, Oriente Médio e África foram responsáveis por 33,2% dos resultados de vendas totais apuradas no terceiro trimestre, de US$ 1,748 bilhão, em que pese o fato de elas terem vindo com recuo de 21,5% ante o mesmo período do ano passado, de US$ 2,226 bilhões.

A Goodyear ressalta que a demanda no segmento de pneus de reposição apresentou baixa de 24% no trimestre devido à fraqueza econômica da região. 

 

Ásia e Pacífico

Terceiro trimestre

No ano

 

2012

2011

2012

2011

Pneus (em milhões)

5,2

5,3

15,4

15,6

Vendas (US$ bi)

592

628

1,769

1,805

Resultado operacional (US$ mi)

64

63

202

195

Margem operacional

10,80%

10,00%

11,40%

10,80%

 

Ásia e Pacífico responderam por 11,24% das vendas totais, de US$ 592 milhões ou 5,73% menores ante a mesma base de comparação de 2011 e, finalmente, a América Latina, responsável por 9,87% das vendas totais da empresa, da ordem de US$ 520 milhões ou 20,1% menos que no terceiro trimestre de 2011. 

Na Ásia e Pacifico, a empresa destacou o encerramento das operações de sua fábrica em Dalian (China) e o início das operações de sua nova fábrica naquele país, em Pulandian – maior, mais moderna e com mais capacidade produtiva.

Destaques
error: Conteúdo protegido.
%d blogueiros gostam disto: